Como tratar e cuidar de animais domésticos e de estimação

animal de estimação

Um animal de estimação é um animal doméstico que foi adestrado e ensinado com fins de companheirismo ou lazer. Geralmente, há um proprietário para o animal de estimação, e a pessoa trata o animal de estimação com cuidado e carinho.

As pessoas não mantém animais de estimação para fins econômicos (mas há casos de pessoas venderem filhotes por um preço relativamente alto), mas elas se apaixonam com seu animal de estimação. O objetivo de manter um animal de estimação ou doméstico é, principalmente, o companheirismo e a recreação que os proprietários encontram (ou podem encontrar) neles.

Pesquisas têm demonstrado que a convívio com os animais de estimação tem um efeito de alívio da tensão, e é uma terapia médica aprovada. Os animais de estimação mais populares são cães e gatos, mas outros animais de estimação populares incluem roedores, aranhas, aves, às vezes cobras.

Além do amor que os animais demonstram com seus proprietários, eles podem garantir a proteção dos mesmos na maioria das vezes. Para um animal selvagem se tornar num animal doméstico, deve-se demonstrar uma grande obediência para com os seres humanos, e  requer mais do que a obediência para ser um animal de estimação. Essa é a razão para a forte relação do animal com o proprietário.

No entanto, animais de estimação são animais e podem causar problemas de saúde em alguns casos como por exemplo: alergias, pelos, e até mesmo risco de vida com doenças como a raiva. Portanto, atenção e cuidados adequados são muito importantes no convívio com os animais domésticos.

Definições de animais domésticos

cavalo animal selvagem e domestico

Existem três tipos conhecidos de animais de domésticos:

  • como companheiro
  • gado
  • animais de trabalho

Muitas pessoas domesticam animais sob o seu controle para obterem benefícios econômicos ou fins agrícolas. Os proprietários controlam os comportamentos, a alimentação e outras necessidades biológicas desses animais. Alguns proprietários até mesmo manipulam as origens genéticas de animais domésticos através da criação seletiva:

Animais de fazenda têm sido importantes para cumprirem fins alimentares como por exemplo a vaca fornecendo leite e proteína, e os cães têm sido úteis para a proteção, e os animais maiores (exemplo: cavalos, elefantes, burros) têm sido vitais para o cumprimento de fins de trabalho.

No entanto, a relação é crucial no tratamento dos animais domésticos, porque eles são bem capazes de ferir os seres humanos, por vezes, levando-os à morte. No entanto, os animais domésticos têm desempenhado um papel importante culturalmente para as pessoas.

Definição de animais de estimação

Animais de estimação são uma espécie de animais domésticos, mas que diferem dos outros por causa das especialidades que eles possuem. Por outro lado, os animais domésticos têm importância na cultura humana com uma grande contribuição para os seres humanos. A tabela a seguir resume as diferenças entre animais de estimação e animais domésticos.

  1. Animais de estimação são mantidos por companheirismo e lazer, por exemplo, cães e gatos, enquanto que, os animais domésticos são mantidos em benefícios econômicos, bem como para fins de recreação, como por exemplo: ovelhas, gado, cavalos, etc.
  2. Animais de estimação possuem uma forte relação/vínculo com o proprietário. Os animais domésticos não compartilham qualquer tipo de vínculo ou pode-se dizer que a relação com o proprietário, se houver, não é tão forte quanto os animais de estimação.
  3. Animais de estimação fazem parte da família. Os animais domésticos não participam tão assim da família.
  4. Animais de estimação são e devem ser tratados e cuidados em pet-shop e clínicas veterinárias.
  5.  A transmissão de doença em seres humanos é comum que haja algum contato direto. No caso de animais domésticos, a transmissão da doença não é tão comum assim.

Se você possui animais de estimação como cães, roedores, peixes ou gatos, e que mora no Rio de Janeiro, sugerimos as seguintes redes de petshop:

Indicamos essa rede de pet shops devido à qualidade dos serviços prestados.

Suipa e sua Importância social

Suipa

Vamos começar com este artigo do site para falar de um instituto que é de extrema importância para os animais domésticos desamparados no Estado do Rio de Janeiro: A SUIPA (Sociedade União Internacional Protetora dos Animais).

Vamos falar dos pontos positivos e também dos pontos negativos, afinal, nem tudo toda instituição é perfeita.

Há um tempo, a SUIPA era considerada uma referência positiva no trato dos animais abandonados ou até mesmo doentes. Servia como uma espécie de clínica veterinária altamente recomendada. Entretanto, com o passar do tempo, uma série de obstáculos decretaram uma falência dessa instituição. Corte de financiamentos e diminuição de doações e contribuições fizeram com que o espaço ficasse em ruínas.

Acrescente também ao crescimento de abandonos de animais, principalmente cães e gatos, que impossibilitam o tratamento adequado para a manutenção do lugar e o controle dos animais.

Hoje em dia, a SUIPA funciona a base de doações e paixão dos colaboradores que lá estão. Resta aqui a esperança de que num futuro próximo, essa instituição se recupere com a ajuda de muitas pessoas e volte a ser um lar adeuqado para animais abandonados e também para o tratamento de animais.